DestaquePolítica NacionalSaúde

“Quem acabou com o Mais Médicos não fui eu”

O presidente da República Jair Messias Bolsonaro negou neste domingo (12/05), que tenha sido o responsável pelo fim da parceria de Cuba com o Programa Mais Médicos.

“Quem acabou com o Mais Médicos não fui eu. Eles resolveram bater em retirada. Antes de eu assumir, o ditadorzão de Cuba chamou a galera de volta”, disse em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Jonas Mello

Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar