DestaqueJustiçaNotíciasPolítica

PSL começará a sair das mãos de militares para crescer politicamente

O Partido Social Liberal – PSL, que em muitos Estados é comandado por militares na reserva, também vai buscar o crescimento na Câmara dos Deputados. Onde o partido não elegeu parlamentar, a sigla será oferecida a um dos eleitos. A ideia é assumir uma hegemonia forte na Câmara para dar força ao governo. Os cargos do Governo Federal nos 26 Estados e no Distrito Federal podem ser bastante úteis nesse objetivo.

Jonas Mello

Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar