DestaqueNotíciasPolíciaPolítica

Está na hora de Augusto Heleno mandar os generais calarem a boca

Os generais que ajudam a elaborar o plano de governo de Jair Messias Bolsonaro começam a falar além do razoável. Está na hora de o General Augusto Heleno, que coordena a tropa, mandar esse pessoal calar a boca. Na democracia, políticas são negociadas, como sabe Jair Messias Bolsonaro. Da mesma forma que um presidente eleito não pode ser comandado por um presidiário, ele também não pode ser dirigido pela caserna.

Jonas Mello

Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar